A trilha da volta


Domingo é dia de alegria para o LBC, pois e dia de trilha e galera estava animada para fazer a trilha do Engenho Parari voltando. Na outra trilha foi realizada  de Limoeiro centro-Vila Mendes-Duas  Pedras, a de hoje foi justamente o contrário, pois pegou Limoeiro centro-Duas  Pedras-Vila Mendes com parada na padaria de Vira Mendes no final da pedalada. Este foi o resumo da trilha de hoje que ainda teve muitas subidas, descidas e uma paisagem de tirar o fôlego regada a muito frio. Saímos como sempre às 5 horas e 30 minutos rumo a Duas Pedras e no papo do dia a morte de Eduardo Campos e as possíveis teorias de conspiração também entrou na roda de conversa, mas logo foi deixada de lado para que o clima de tristeza não tomasse conta da trilha. 

A passagem por Duas Pedras e adjacência foi tranquila com alguns pontos de lentidão divido a condicionamento físico de de alguns bikeiros, mas isso logo foi embora após algumas pedaladas que esquentaram o clima. Mias uma vez tivemos a presença de Zé Eudes que nós mostrou como se pedala sem ter uma bike top ou com marcha, pois ele fez todo percurso com sua bike normal e sem marcha não deixando dever nada a ninguém do grupo e nem tão pouco ficando para traz, pois o mesmo sempre andava no pelotão da frente demonstrando a garra que o Limoeiro Bike Clube representa. A parada para repor as energia se deu em uma padaria de Vila Mendes e lá o cardápio foi pão com queijo (coalho e manteiga) e café passado na hora bem fresquinho. 

Após comer e beber o grupo seguiu rumo a comunidade dos coqueiros para enfim chegar a nosso ponto de partida. A trilha deu mais de 22 km e de pura emoção. Assim foi nosso domingo nublado e de muita adrenalina. Nós que fazemos o LBC desejamos a todas vítimas do acidente acidente aéreo o descanso eterno ao lado de Cristo e que todas as famílias destas vítimas sejam confortadas neste momento de pura tristeza. Aqui nos despedimos com a certeza que o Brasil ainda tem chance e todos vamos mudar o Brasil de uma forma ou de outra. Não retratamos aqui partido politico e sim vidas que foram ceifadas de seus familiares. Até domingo que vem com mais um Diário de Bordo do LBC.

Todas as fotos desta trilha podem ser vistas em nossa página do Facebook através deste link AQUI

A trilha do niver de Jair



Alegria, Alegria é assim que Jair Ferreira, o aniversariante  dia do LBC, diria no inicio deste domingo com  a trilha em sua homenagem. O Limoeiro Bike Clube fez super trilha neste domingo 03/08 com direito a estreia de camisa nova e muito mais. Saímos às 05 horas e 40 minutos em uma pedal repleto de boas energias e comemorações. A galinha do Jair foi um dos assuntos mais comentado da trilha, pois a do ano passado foi batizada de tripé por ser constituída de três pés e isso servir de alegria durante todo o ano. Doutor Girlã foi nosso destino e com uma trilha leve e super rápida chegamos bem cedo a casa de Jair para poder ver de perto a se a galinha deste ano teria  três pernas ou mais, afinal houve os que achavam que este ano haveria uma perna a mais. A trilha foi tão rápida e prazerosa que todos curtiram até o ultimo instante. A galinha estava boa e sobrou até convite para alguns cilistas amigos nosso. 

Nos divertimos ao máximo e o motivo maior não foi a festa nem tão pouco a galinha e sim o fato de saber que a cada ano que se passa estamos juntos e desde 2008 vivenciamos cada momento de nossas vidas ao lado de amigos que ao longo dos anos vão se tornando verdadeiros irmãos. A trilha teve um total de 3 horas de duração entre inicio, pausa para o café da manhã e o termino. Foram 32 KM bem distribuídos com cerca de 562 calorias perdidas e muitas recuperadas no café da manhã. Nós que fazemos o LBC desejamos ao amigo Jair muitas felicidades e muitas pedaladas junto a nosso convívio. A você que sempre dedica alguns minutos de seu tempo há nos prestigiar, só temos a dizer; Muito Obrigado por tudo. Domingo que vem haverá mais trilhas e outra edição do Diário de Bordo do LBC. Até lá então. Confira mais fotos em nossa Página no Facebook neste Link AQUI



















A trilha do Parari


Alegria alegria, como diria Jair Ferreira nosso bikeiro locutor esportivo que pedalou junto com seus companheiros até o Engenho Parari com passagem pela Serra do Parari. às 05 horas e 30 minutos seguimos rumo a PE 90 em clima de frio e temperatura agradável. O pedal de hoje teve seus quase 23,15 km pedalados em 3 horas e 45 minutos com elevação de 468 m e 490 calorias perdidas. Por ser uma trilha repleta de obstáculos a quilometragem acabou sendo pouco, mas com grau de dificuldade maior que o habitual. Algumas bikes alcançaram 50 km/h nas descidas. O café da manhã foi logo cedo nas proximidades da Vila Mendes com direito a pão com queijo e café passado na hora. O papo em dia não faltou e na playlist o som dos Beatles e da Legião Urbana ajudaram a deixar a pedalada mais gostosa. 

As subidas foram muitas, mas as decidas que haviam no caminham eram boas e dava aquela adrenalina esperada pelos ciclistas do Limoeiro Bike Clube. A chega ao outro estremo de Limoeiro foi tranquila, embora em alguns instantes da estada parecíamos perdidos de certa forma, mas nada que uma boa analisada não resolvesse, afinal quem tinha Augusto (vulgo Google Maps) não tinha com que se preocupar. A cana de açúcar foi a planta mais vista  pelos ciclista que dentre montanhas só viam os canaviais em seus contrastes verde e marrom. Fizeram parte deste pedal de hoje o Bikeiros; Augusto José, Bartolomeu Junior, Jair Ferreira, João Oliveira, Márcio Wanderley e Poline Silva. Assim terminamos nosso Diário de Bordo de hoje desejando a todos uma excelente semana.

LBC celebra dia do amigo com uma trilha onde o companheirismo falou mais alto



Hoje (20/07) dia do amigo o LBC realizou mais uma trilha e desta feita a localidade escolhida foi Bom Sucesso de Cima, território do cordial Zé da Paciência, que recebeu bem o grupo de ciclistas aventureiros a procura de aventuras. Saímos por volta das 5 horas e 30 minutos de uma manhã fria do domingo. Tudo começou as mil maravilhas e com parada no posto de gasolina para encher os pneus da bike. Entre uma subida e outra o bate-papo foi bem descontraído e a natureza foi um dos temas dos ciclistas. O tema da conversa foi o que fazer com os rádio velhos e televisores quando o novo sistema for implementado e obrigando os consumidores a trocarem de aparelhos e se desfazendo dos antigos. A pergunta levantadora da questão foi a seguinte; O que fazer com todo este lixo? Não houve resposta, mas houve inúmeras sugestão, afinal além de sermos ciclistas somos pessoas conscientes e queremos um mundo melhor para todos nós.

As tradicionais fotos não ficaram de fora e muitas delas tiveram o nascer do sol fotografado pelas lentes dos Smartphones e das maquinas digitais. Tudo estava bem, mas próximo a casa de Zé da Paciência  em uma ladeira a bike de Márcio quebra e o grupo acaba fazendo uma parada forçada. Seu Zé acolheu o grupo e serviu um cafezinho para as meninas que aguardaram a tentativa de concerto da bike do Márcio que sem exito acabou ficando no local a espera do carro de Jair que  atendeu ao pedido de socorro e veio com seu carro fazer o reboque da bike quebrada. Os outros ciclistas seguiram de bike e Márcio foi com Jair no carro indo de encontro ao famoso café da manhã que neste dia do amigo foi regado a cuscuz, macaxeira, galinha cabidela e um guarana antártica para refrescar. A volta foi tranquila e entre mortos e feridos salvaram-se todos. Assim foi nossa trilha do dia do amigo com muito frio e demostração de amizade. Domingo que vem nos vemos novamente. Boa semana a todos.

Confira mais fotos desta trilha do LBC abaixo e em nossa Página do Facebook tem mais neste link











A trilha do batismo



Bom dia galerinha massa, vamos a mais uma edição do nosso Diário de Bordo de hoje (06/07) com mais uma pá de histórias dos meninos do LBC. A trilha de hoje foi marcada pela inauguração do novo empreendimento de João Oliveira. O mesmo comprou um novo quadro para sua bike e fez um reaproveitamento de código que para os leigos seria a retirada das peças da outra bike e colocadas no quadro novo. Realmente a bike ficou bonita e só faltou a garrafa de champanhe para ser quebrada dando por inaugurada oficialmente a bicicleta que por sinal tem corpo novo e ovos antigos. Para quem nãos abe a história do ovo nós vamos contar; As bikes do LBC contam com luzes traseiras e a bike de João conta uma luz dupla em formato de bola que mais parecem dois ovos de homem e foi por isto que ela ganhou este nome e vai continuar assim, afinal já diz a bike: " Meu corpo mudou, mas meus ovos continuam os mesmos". Saímos por volta das 5 horas e 40 minutos com apenas 3 ciclistas faminto por uma boa pedalada. Augusto, Márcio e João se aventuraram pela Ilhas dos Leões, percorreram pela fazenda de Sérgio Guerra, seguiram rumo ao Cedro, percorrem pelo sítio Jacaré, passando pela comunidade de Pitombeira, desembarcando em Bordão de Velho, seguindo por Guabirabinha e pegando a Estrada Velha até chegar no centro de Limoeiro. O café da manhã foi especial, pois a galera parou na PE 90 e se fartou comendo pamonha feita na hora com queijo coalho assado na brasa e um delicioso café pretinho passado no coador bem a moda antiga. 

Lá voltamos a ser criança mesmo que por alguns minutos ao apreciarmos brinquedos de outrora que fizeram parte de nossa infância e ainda hoje esta vivos em nosso lúcido mundo. Ao ver a peteca e os carrinhos de madeiras nos lembramos de quanto fomos felizes em uma infância sem tecnologia onde o que prevalecia eram as brincadeiras sadias e não mais os eletrônicos do mundo atual.  A trilha boa e teve altos e baixos, não houve quebra de bikes e o clima nublado ajudou no pedal que deu 52 km de distancia de pura adrenalina e diversão. No bate papo dominical a musicalidade de Renato Russo foi discutida e as piadinhas não faltaram. O pedal foi todo ao som da Legião Urbana em MP3 com as 50 melhores musicas da banda de rock que ficou eternizada nos corações do fãs. A chegada se deu por volta das 8 horas e 40 minutos com os três bikeiros são e salvos. Assim foi a trilha de hoje do Limoeiro Bike. Caso você tenha perdido algumas de nossas histórias basta ver em nosso baú as outras edições do Diário de Bordo em um destes dois links. Link 01 e Link 02. Tenham todos uma boa semana e se Deus nos permitir domingo que vem estaremos aqui novamente com mais uma edição do nosso Diário de Bordo. Veja algumas fotos de nosso pedal de hoje e confira mais em nossa Página do Facebook através deste LINK AQUI.